3 dicas para evitar o choro do filhote à noite

3 dicas para evitar o choro do filhote à noite

Quer algo mais bonitinho do que filhotinhos? Eles são uma overdose de fofura e sempre estão dispostos a brincar e se divertir bastante ao lado dos seus donos. Porém é bom lembrar de que os filhotes ainda são bebês e, como todo neném, choram e sentem a falta da mãe, sobretudo durante o período da noite. Pensando em te ajudar a não sofrer tanto ao longo da madrugada, o PetSaúde listou 3 dicas para evitar o choro dos petzinhos. É só ler abaixo!

Imagine que você é um pequeno filhote e que quer brincar e aprender bem muito o dia inteiro. Imaginou? Então agora pense no que você precisa para isso. A resposta é simples: uma boa noite de sono. Diversos gatinhos ou cãezinhos sofrem com a ausência da mãe no momento em que vão dormir e acabam abusando do choro para chamar a atenção. Quer saber o que fazer direitinho para fazer o seu petzinho dormir e de quebra dormir também? Olha só!

1 – SEPARE O FILHOTE DA MÃE NO TEMPO CERTO

A separação entre o filhotinho e a sua mãe sempre é traumática. Por isso, é fundamental que ela seja feita com muito cuidado e na época correta. O indicado por especialistas que é o filhote seja retirado após o 50º dia, após o período do desmame e a devida vacinação. É interessante que a convivência com os irmãos seja mantida, pois é nesse momento que o animalzinho aprende a brincar, a respeitar e a dormir sem a mamãe. Os petzinhos devem primeiro se afastar da mãe e depois dos irmãos, para que, só assim, possam ficar sozinhos. Lembre-se de preparar um ambiente quentinho e aconchegante para que o filhotinho não sinta tanto a falta dos outros.  Assim, o choro à noite diminuirá.

2 – NÃO DEIXE O FILHOTINHO ASSOCIAR O CHORO À PRESENÇA DO DONO

Tome cuidado com os mimos e com o excesso de preocupação com o filhote. Em vários casos, os petzinhos associam o choro à presença do seu dono. Isso acontece pelo fato de alguém sempre ir vê-lo quando ele solta o berreiro. Ele entende que está sendo recompensando ao agir assim. Portanto, o que deve ser feito é avaliar se realmente a sua presença é necessária e não paparicar o filhotinho toda vez que ele ligar o modo de choro. Dessa forma, ele criará uma maior independência e entenderá que nem sempre o seu “truque” irá funcionar de noite ou de dia.

3 – EDUQUE O PETZINHO A SEMPRE DORMIR EM SUA CAMINHA

O terceiro ponto também é muito importante. Gatinhos e cãezinhos devem ser acostumados a dormir nas suas próprias caminhas durante a noite desde novinhos. Diversos donos têm o hábito de levar os filhotes para dormirem na cama com eles. Isso, de fato, mal acostuma o animalzinho, que passa a acreditar que aquele é o seu local de dormir. Dessa forma, ele usará o choro como forma de demonstrar insatisfação sempre quando for retirado do cantinho que ele acha que é dele.

Para mais informações, é só acessar nosso site e escolher o plano de saúde animal que mais se encaixa para você e para o seu pet!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *